Na area de tecnologia muita coisa muda a todo momento, então a dedicação ao estudo e aprendizado de novos recursos e conceitos são constantes na vida do profissional de TI.

Neste artigo, listo algumas práticas que podem melhorar o processo de aprendizado e ajudar a tornar o que foi aprendido em algo mais duradouro e aprofundado.

1) Relembrar após estudar ou ler

O simples fato de relembrar algo que acabou de estudar melhoram muito o processo de fixação do conteúdo na mente. Fazer isso em momentos e locais físicos diferentes ajudam ainda mais.

2) Repetição espaçada

Estudar tudo sobre um assunto em apenas um momento do tempo nos faz utilizar apenas a memória recente, podendo o conteúdo ser descartado logo em seguida por dar lugar a outros assuntos. Para que o aprendizado seja mais duradouro é importante distribuir o envolvimento com um assunto ao longo do tempo para que seja utilizado nossa memoria recente e também a permanente.

Esta é uma das principais técnicas para que daqui a 6 meses você ainda lembre sobre um determinado assunto com propriedade.

3) Fazer suas próprias anotações em um texto

É comum as pessoas sublinharem partes do texto mas isto gera um senso de aprendizado que é falso e o que foi lido e aprendido dificilmente será fixado na mente. Uma forma mais eficiente é gerar anotações com o seu entendimento e usando suas próprias palavras para o que foi lido.

4) Explicar o assunto para si mesmo

Para formar o conhecimento duradouro é necessário que você tenha entendido o assunto e não apenas lembrar a explicação que foi lida ou estudada (memória recente). Tentar explicar o assunto para si mesmo é um bom teste para avaliar o quanto você entendeu do assunto.

5) Executar o que aprendeu sem ajuda externa

Outro bom teste a se fazer é tentar executar, quando possível, sem qualquer ajuda externa (professor, internet, etc) o que foi aprendido. Este processo ajudará em transferir o conteúdo da nossa memória recente (de trabalho) para a memória duradoura (permanente).

6) Criar metáforas ou analogias

Criar metáforas e analogias ajudam a remover certos bloqueios para o aprendizado. Além disso, faz com que novos novos caminhos sejam encontrados para o raciocínio e permite reutilizar alguns blocos de memória com conteúdos que não estariam relacionados com o assunto na forma tradicional.

 

Estas práticas são alguns dos meus destaques do curso “How to Learn”  da Universidade de San Diego disponível no Coursera, o qual fiz como forma de buscar uma melhor eficiência das minhas horas de estudos.

Até o próximo.

Rafael Leonhardt

@MumHaBR

http://www.rafaelleonhardt.com.br

 

Post original em https://www.linkedin.com/pulse/práticas-para-melhorar-eficiência-nos-estudos-rafael-leonhardt